7 de mar de 2016

Circuito Santa Catarina - Florianópolis

Planejando

Santa Catarina é sempre uma boa opção de passeio, onde já estivemos várias vezes, mas que sempre tem coisas boas e novas para descobrir. Desta vez o objetivo era de voltar à cidades conhecidas - Floripa, Garopaba, Torres (RS) e Palhoça (Pinheira) - e conhecer novas como Laguna, Praia Grande (a cidade dos canyons) e possivelmente as praias ao sul de Balneário Camboriú, estimando para isso uns 30 a 35 dias.

A viagem

Saímos de Santos às 6h30 e depois de 430 km de uma viagem tranquila chegamos em Curitiba às 12h45 onde ficamos na casa de um casal de amigos campistas que iriam nos acompanhar nesse circuito. Após pernoitar, saímos de Curitiba direto para Florianópolis, primeira acampada, enfrentando longo trecho embaixo de chuva forte, mas felizmente ao chegar a Floripa o tempo melhorou.

Devido à chuva e o trânsito para entrar na Ilha de Santa Catarina, gastamos 6h10 para uma distância de apenas 337 km - isso faz parte.

O camping

Informações:

Camping Parque do Rio Vermelho – link para o site
Rodovia João Gualberto Soares (SC 406), km 14
Coordenadas geográficas: -27.559706,-48.437292
Veja no Google Maps: http://goo.gl/R2Pnn0
Telefone 48 99808-1375
Diária em março/16: R$ 25,00
Voltagem 220v

Acampamos novamente no Camping Parque do Rio Vermelho, encontrando pouquíssimo movimento - normal para a época. A área continua muito agradável, com bastante sombra de pinus, banheiros decentes e limpos constantemente, segurança, campo de futebol, quadra para voleibol, churrasqueiras, playground, wi-fi próximo à portaria e funcionários atenciosos. Restaurante não estava funcionando.











Como sempre tem um porém, a rodovia que passa em frente ao Parque e Camping está movimentada e o barulho dos carros e motos chega a perturbar quem está curtindo um sossego. Como a área é grande, a saída é procurar acampar o mais distante possível da fonte do barulho.

O Parque pertence ao Estado de SC, gerenciado pela FATMA, Fundação do Meio Ambiente e fica ao lado da Praia de Moçambique. Junto ao camping tem viveiros com mudas de plantas nativas e durante o ano recebem grupos onde são feitas explanações/demonstrações práticas de cuidados ao meio ambiente. Era assim quando fomos em março/16, não sabemos se mantém essa atividade.





Concluindo

Depois de cinco dias de tempo bom, muita paz e a companhia agradável de amigos, partimos para nosso próximo destino, o Camping Lagoamar, em Garopaba.


Deixe seu comentário, ele é muito importante para nós.
Volte sempre!!

Outros posts recomendados:
Acampada em Garopaba - SC
Conta com amplos, limpos e bons banheiros, churrasqueiras e fogões coletivos, cancha de bocha, quadra de volei, mini campo de... Leia mais<




40 anos de acampadas - retrospectiva
Começamos a acampar em janeiro de 1976, portanto foram completados 40 anos que adotamos essa forma saudável de curtir a natureza, conh... Leia mais

2 comentários:

  1. Anônimo14:54

    o telefone de contato não é do camping

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Era o que constava na época da postagem. Verifiquei agora e na página no Facebook consta o (48) 99808-1375. Alterado. Obrigado.

      Excluir